Proibição do plano de parto no Rio é rechaçada por especialistas

Compartilhar

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

“As intenções demonstradas pela mulher no plano de parto podem ser negociadas caso a situação mude ou se agrave. Os modelos base de plano de parto sempre deixam isso bem claro: ‘se possível não fazer tal intervenção, a não ser que seja necessário’”, explica a doula e educadora perinatal Ingrid Lotfi, membro da Rede pela Humanização do Parto e Nascimento (ReHuNa).

Link

Leia Também